sábado, 3 de outubro de 2009

NÃO SEI SE VOU OU SE FICO...


Você já escutou frases do tipo: "ah, isso é um desafio para ver se você persiste..." ?


E: "ah, isso é um aviso para você desistir... não insista..."?


E aí?! Já se sentiu como a velha máxima do "axé music" - risos -: "não sei se vou ou se fico"?


Eu também! Me sinto assim direto... porque sempre vem uma frase pronta dessas nas horas em que você menos precisa - hahahaha. Às vezes, me deparo com situações onde insisto e nada sai... e me pergunto: "qual dessas frases escuto para me sentir estimulada ou, no mínimo, consolada...?", por isso que escrevi "ACONTECE..." (desça mais um pouquinho, que poderá me dar a honra de sua leitura), porque, de fato, sempre algo acontece, mas, muitas vezes, não sai como gostaríamos e uma dessas frases idiota (ou não) vem para nos atormentar e gerar peso, culpa...

Quando li o texto "45 lições de vida", por Regina Brett, li a segunda "lição" e bateu com o que acredito, que é a maneira como reajo, hoje em dia: "quando estiver em dúvida, apenas dê o próximo pequeno passo." Tenho registrado, sempre, aqui no blog, que minha alegria tem sido as pequenas vitórias que venho alcançando em meu dia-a-dia. Pequenas atitudes fazem grandes mudanças, é como me falo.


Estou apredendo e colocando em prática - como esforço, mesmo... um exercício - a parar, respirar fundo e dar um passo atrás, antes de reagir ou agir por impulso. Têm horas que precisamos parar e têm horas que precisamos avançar. Como saber a atitude certa, na hora certa? Não se sabe, apenas, ACONTECE.


O que converso comigo, para não cair nas malhas da "culpa" e da "auto-punição" reflito: "toda decisão que tomei, foi baseada no presente, na situação vigente, calculando os menores 'riscos' para o 'futuro', com base nesse presente". Verdade, não tem como a gente tomar decisões, que influenciarão o amanhã, com base no amanhã. Se a decisão de hoje, amanhã a gente constatar que estava "errada", refaça o pensamento e vá em frente. Primeiro, não estava "errado", você não sabia do "amanhã", apenas do "hoje", e, naquele "hoje", você fez o melhor que pôde fazer, então, perdoe-se/perdoe, até chegar a um ponto de nem se culpar ou culpar a outro... repita: "fiz o melhor que pude fazer, com base no que tinha, naquele instante" e, daí para frente, se abra para refazer sua trajetória, mudar o presente e continuar vivendo e mudando. Claro que têm coisas que se "quebram" e não há remendo, mas, há reconstrução... mesmo que não seja como era antes, mas, se é como se é agora e vai em frente, dando os passos necessários, sem "viagens".


Sempre ACONTECE algo. Sempre podemos dar uma ajuda a nós mesmos, pelo nosso próprio bem! Isso é crescer. Quem disse que crescer é fazer 18 anos? Crescer é todo dia. Quanta gente chega aos 80, 90, 100... anos e continua ranzinza, mesquinho, ambicioso, presunçoso, rancoroso... continuam "pequenos". Pequenos como pessoas.



Meu grande amigo Geraldo, uma pessoa incrível, humano e incrível (risos) - digo que quero ser parecida com ele, quando "crescer", ou seja, romper com o peso extra que tanto faço questão de carregar... dar valor e força às possibilidades... - disse uma coisa interessantíssima: "nossa educação é voltada para o mundo externo. Sempre somos educados para fora..." e é ou não é?! Nosso mundo interior, nós, deveria ser a base inicial. Firmarmos base sólida em nós mesmos, como seres humanos, pessoas em potencial e aprenderíamos, desde cedo, que tudo é possível, sim, porque nós somos seres possíveis. Assim, pararíamos de criticar a tal "sociedade" - como venho sempre me questionando aqui, em alguns textos: quem é essa tal "sociedade" que tanto leva a culpa por nossas próprias falhas?... - a vida, ao universo, a Deus, ao "mundo", a "humanidade"... sim, nós somos a humanidade, alguém lembra disso?


"A humanidade está perdida" = "eu estou perdida", já que, assim como f(x)=y - Marquinhos, essa equação é em sua homenagem, ainda publico seu poema aqui - "humanidade perdida" = "eu perdido": NÓS SOMOS A HUMANIDADE; EU sou parte dela... e aí?! Gente, está mais do que na hora de reconstruirmos nossos pensamentos para salvar a humanidade, que somos nós mesmos!!!



Pequenas atitudes, grandes mudanças! Cada um fazendo sua parte, gera um parte grande de boas mudanças. Vamos continuar esperando pelo outro? "Se fulano melhorar, aí eu acredito que a 'humanidade' tem salvação" é isso?! E a nossa parte. E o EU, o indivíduo que cada um de nós É? Estamos isentos de mudar ou melhorar, por quê? Você é melhor do que eu? Eu sou melhor do que você? Quem, como, onde, quando, por quê? Ah, para isso cabe uma bela expressão baiana: "aooonnnnnddddeeee?!" - kkkkkkkk - é ou não é?!


Por isso, toda vez que eu fico nesse impasse, simplesmente me permito. Como diz minha amiga Noemia: "Aceite que você agiu assim. Aceite que você pode errar..." e aceite que você pode mudar! Consertar, se for o caso e se for importante - tem coisas que pedem conserto, né verdade?! E, ter a oportunidade de consertar é um gesto nobre e lindo! Abrace a oportunidade de SEMPRE FAZER O SEU MELHOR, mesmo que tenha que dar um passo atrás, reconhecer uma falha, "dar o braço a torcer"... enfim, seja aquilo que seu coração tanto implora e a gente se esforça para não ser, por um orgulho bobo e furado; uma vaidade desmedida; uma armadura pesada de "porreta" que usa para "se proteger" - na maioria das vezes, se proteger de si mesmo, jogando a imagem de que é em alguém... inocente... risos.


Bom, a vida é isso: NÓS COMO RESPONSÁVEIS POR NOSSAS AÇÕES e POR NOSSA FELICIDADE!!!E Deus, acima de tudo isso!!!


VAMOS DEIXAR UM MUNDO MELHOR PARA OS NOSSOS FILHOS E FILHOS MELHORES PARA ESSE MUNDO!!!


Quando estiver vivendo o embate do "não sei se vou ou se fico", respire lenta e profundamente; dê um pequeno passo; abra seu coração; faça com amor e com a melhor intensão - melhor de verdade, viu, nada de demagogia... palavrinhas mansas e falsidade incutida não vale... é sinceridade e honestidade no que se sente e se quer fazer - e sempre, sempre saiba que sua base é o hoje, amanhã, é outro dia e sempre é dia de recomeçar! Perdoe-se por suas falhas e aceite que sim, VOCÊ É HUMANO!!! - isso pode ser bom ou ruim, depende de cada um de nós!!! Nada disso é fácil, mas, é perfeitamente, POSSÍVEL!!!


Pat Lins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário/participação. Obrigada, pela visita! Volte sempre!

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails